Dicas para dar boas vindas ao novo ano!

By Evoluir Juntos - janeiro 02, 2019


Olá, gratidão por ter você aqui!



Início de ano, muita expectativa, energias novas pairando no ar, planos, promessas, metas… Para muitos, é um momento de reflexão, sobre o ano que passou, sobre o que fez ou deixou de fazer, sobre momentos de gratidão, arrependimentos, lágrimas, conquistas, erros e vitórias.

Temos já enraizado em nossa cultura, a “fama” de “promessas não cumpridas de ano novo”. Começar a se alimentar melhor, ler mais livros, praticar exercícios físicos, etc e etc. O fato é que às vezes prometemos demais, e o fardo fica muito pesado. É difícil começar muitos novos hábitos ao mesmo tempo, ou cumprir muitos desafios juntos. O importante é começar, uma coisa de cada vez, não precisa ter pressa.

Hoje trouxe para você algumas dicas de exercícios de escrita terapêutica, de visualização, de mudança de vibração e de padrões de pensamento, para começar bem o ano (ou começar bem o seu momento, independente do mês e ano que você esteja lendo este texto), cocriar o que tanto deseja, ser grato por coisas que passam despercebidas e assim poder vibrar no amor e na prosperidade.

Despedindo de 2018, boas vindas 2019


Um belo modo de começar o ano, é emanando energia da gratidão. Para isso, você só vai precisar de um caderno ou pedaço de papel, lápis e suas melhores músicas.
Coloque a sua melhor lista de músicas para tocar, aquelas que automaticamente te deixam feliz, que trazem boas lembranças, melhoram o ânimo. Sinta essa energia, deixe a música elevar sua frequência. Se precisar, feche os olhos e concentre-se nesse sentimento.
Depois, enquanto as músicas ainda tocam, pegue o seu caderno e lápis, coloque no título algo como “Obrigada(o) 2018” e escreva todos os motivos pelos quais você é grata(o) que aconteceram nesse ano. Relembre, reveja as imagens, e escreva “sou grata(o) por tal coisa que aconteceu esse ano”. Podem ser coisas simples ou coisas grandiosas. Todos tem motivos para agradecer! Não entre na vibração do “nossa, mas meu ano foi horroroso!”. Aproveite a energia da música que você escolheu, e lembre-se das coisas boas na sua vida.
O próximo passo, é colocar sua “Gratidão por 2019”. Aqui é permitido voar alto, sonhar, escrever todos seus desejos e metas para este novo que começa! Coloque tudo no papel, já agradecendo como se tudo já estivesse concretizado ou em vias de acontecer. Para não correr o risco de se sentir “enganada(o)” ao dizer que é grata(o) por algo que ainda não existe, você pode colocar “sou grata(o) por tal coisa que estou manifestando”, colocando o verbo no gerúndio, como se estivesse no meio do processo.

Carta para …

O exercício acima também pode ser feito de outra forma. Faça como se sentir melhor. Você pode escrever uma “carta para 2018” agradecendo por todo aprendizado, momento, sentimento, conquistas e o que mais sentir vontade. Coloque na carta o seu sentimento de gratidão por tudo, e vá relembrando seu ano.
Faça o mesmo para 2019, em formato de carta. Feche os olhos antes de escrever, visualize como quer que seja o seu ano, entre na vibração da realização, e transcreva essa alegria para o papel. Sempre agradeça por tudo. A gratidão atrai mais motivos para agradecer na sua vida.

Sinto muito, me perdoe, sou grata(o), eu te amo.


Escrever ou dizer as palavras mágicas do Ho'oponopono pode te surpreender. Essa técnica havaiana consiste em simplesmente repetir essas palavras “sinto muito, me perdoe, sou grata(o), eu te amo” no intuito de purificar, liberar memórias ruins, mágoas e também para “abençoar”, libertar e curar qualquer coisa ou situação.
Aqui a dica é para utilizar o Ho'oponopono para perdoar, liberar e deixar ir todas as mágoas ou acontecimentos de 2018 que te deixaram pensativo, triste ou até mesmo sem energia. Deixe ir aquilo que já passou, e inicie um novo ciclo perdoando e aceitando.
Existe muito material sobre essa técnica em sites como YouTube e outros. Pesquise mais, se aprofunde, leia. Sempre que se fala em Ho'oponopono há a sugestão do livro “Limite Zero”, de Joe Vitale. Quem sabe essa não pode ser sua primeira leitura do ano?

Pote da gratidão


Essa fica você talvez já tenha visto por aí, em alguma rede social. A ideia é separar um vidro, pote ou caixinha onde você colocará toda semana algo de bom que aconteceu. É só escrever e colocar no pote. Pode ser qualquer coisa, algo que te faça sorrir. Uma notícia boa, uma conquista, uma ideia nova, um abraço que você recebeu ou um sorriso, um poema, uma comida deliciosa que vale a pena lembrar, uma festa, um filme… Enfim, vai depender de você apenas. O importante é fazer isso toda semana (e até mais vezes por semana se quiser).
No final do ano (ou quando estiver precisando de um gás na vida), você poderá abrir e ler todas as coisas legais que você viu, passou e sentiu. Automaticamente você vibrará na alegria e na gratidão ao relembrar de todos esses momentos!

A diferença está nas coisas simples…


Perceba que o ano pode ter mudado, mas que para obter novos e diferentes resultados, você precisa inovar e mudar. Vamos parar de colocar a culpa no que está fora, e passar a olhar para dentro. Observe a si mesmo, observe quanta coisa boa você tem, pessoas, lembranças, conhecimento… Aproveite esse ano novo para observar mais os detalhes, viver o presente, sentir o momento.

Se ainda não tem um caderno ou diário, comece um. A escrita pode sim ser uma terapia, coloque tudo que está sugando a sua mente no papel, faça do seu diário um “HD externo”, deixe a ansiedade de lado desabafando apenas com uma caneta.

Crie novos hábitos como, por exemplo, acordar e levantar dizendo “obrigada(o)!”. Agradeça pelo novo dia. Leia um livro por mês. Essa pode ser uma meta interessante. Obter conhecimento, adquirir um novo hábito e abrir portas. Os livros abrem caminhos na nossa mente e na nossa vida.

Substitua o “tentar” por “treinar”. Quando você apenas “tenta” está dizendo a si mesmo que está tudo bem se der errado, afinal, você está só “tentando”. Porém, ao insistir nisso, você acabe se frustrando, se sentindo pra baixo e desiste. Comprometa-se a TREINAR, a agir, e veja o que acontece. Valerá a pena.

No mais…

Independente de exercícios, rituais, músicas e diários, faça o seu ano valer a pena. Aprenda coisas novas, dê muitos “bom dias”, seja gentil, vá com medo mesmo, contemple a natureza, trabalhe, sorria, se cuide. Se respeite. Se ame. Se aceite como você é.

Seguindo o exemplo de Mestre Mikao Usui, "só por hoje, seja grata(o)". O restante vem.

Equilíbrio

Namastê e feliz 2019!


Ana Carolina Reis
Reiki Master 



“Que a Luz, o Amor e o Poder restabeleçam
O Plano Divino sobre a Terra,
Hoje e por toda a eternidade!”

Trecho de "A Grande Invocação"

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários